Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BE Castanheira de Pera

Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas Dr. Bissaya Barreto - Castanheira de Pera

BE Castanheira de Pera

Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas Dr. Bissaya Barreto - Castanheira de Pera

Dia Mundial para a Preservação da Camada de Ozono

16.09.19

Ozone-Day-2019_Forest-blog.jpg

O Dia Mundial para a Preservação da Camada do Ozono comemora-se a 16 de setembro.

Foi a 16 de setembro de 1987 que se assinou o Protocolo de Montreal sobre Substâncias que Prejudicam a Camada de Ozono, escolhendo-se então esta data para a celebração do Dia Mundial do Ozono. A data foi criada pela Assembleia-Geral das Nações Unidas em dezembro de 1994.

O objetivo do dia é alertar para a destruição da Camada de Ozono e procurar soluções para a proteger. A Camada de Ozono é um escudo gasoso frágil que protege o globo das radiações solares, preservando assim a vida na Terra. Cabe aos governos, às indústrias e às organizações internacionais, a tarefa de unir esforços para eliminar os produtos químicos responsáveis pela destruição da Camada de Ozono.

Neste dia, não só se realizam encontros e colóquios em Montreal, Canadá, como um pouco por todo o mundo, para debater a questão mundial da preservação da Camada de Ozono.

PERIGOS RESULTANTES DA DESTRUIÇÃO DA CAMADA DE OZONO

No Ambiente: Destruição das colheitas; Desaparecimento de alguns seres vivos, alterando as cadeias alimentares.

No Homem: Aumento do cancro da pele; Aumento da cegueira; Enfraquecimento do sistema imunitário.

As previsões mais recentes indicam que os níveis de ozono na Primavera da Antárctida deverão começar a aumentar em 2010. Já as oscilações de espessura da camada de ozono no Árctico são altamente variáveis e difíceis de prever, mas um evento semelhante à depleção da camada de ozono da Antárctida parece pouco provável, segundo os peritos.

COMO PROTEGER A CAMADA DE OZONO

A protecção da camada de ozono passa também pelos cidadãos, que devem garantir que não estão a utilizar produtos ou equipamentos (por exemplo frigoríficos ou balcões frigoríficos, aparelhos de ar condicionado, extintores de incêndios, inaladores para asmáticos) onde ainda se utilizem substâncias nocivas.

Qual pode ser o contributo de cada cidadão para preservar a camada de ozono?

Troca de lâmpadas: Se trocar as lâmpadas convencionais por fluorescentes compactas não produz, no mínimo, 400 quilos de dióxido de carbono por ano.

Deixar o carro na garagem: Cada 10 quilómetros é igual a menos 3 quilos de dióxido de carbono. Cada litro de gasolina liberta 2.5 Kg de dióxido de carbono.

Reciclagem: Acredite ou não, se reciclar apenas metade do seu lixo estará a contribuir para uma redução de cerca de 1.000 quilos de dióxido de carbono anuais.

Plásticos e embalagens: Se reduzir em 10% este tipo de lixo, diminuirá 545 quilos de dióxido de carbono ao ano.

Ar Condicionado: Com um simples ajuste, baixar a temperatura 2 graus no Inverno e subir 2 graus no Verão poderá poupar uns 900 quilos de dióxido de carbono anuais.

Árvores: Uma só árvore absorve uma tonelada de dióxido de carbono ao longo de sua vida. Conserve-as, plante uma, duas, várias.

Aparelhos electrónicos: Com o simples acto de desligar aparelhos electrónicos que não estão a ser usados, poupará milhares de quilos de dióxido de carbono ao final de um ano. Se for comprar um frigorífico novo, opte por um que não use CFC's prejudiciais à camada do Ozono.

Na compra de aerossóis, artigos de refrigeração ou espumas, certificar-se que não têm CFC's;

Em vez dos "sprays", optar por produtos "roll-on" ou "stick" e desodorizantes que sejam amigos do ambiente;

Prefira produtos que respeitem o ambiente.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.