Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BE Castanheira de Pera

Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas Dr. Bissaya Barreto - Castanheira de Pera

BE Castanheira de Pera

Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas Dr. Bissaya Barreto - Castanheira de Pera

Sessão de esclarecimento sobre a limpeza das ribeiras

25.11.22

sapador florestal.jpg

Sessão de esclarecimento sobre a limpeza das ribeiras

Os nossos alunos dos 3º e 4º anos que frequentam a AEC Clube Ciência Viva na Escola, tiveram oportunidade de assistir, no passado dia 22 de novembro, a uma sessão de esclarecimento sobre a limpeza das ribeiras de Castanheira de Pera. Esta sessão, enquadrada no trabalho que está a ser desenvolvido com a exploração do livro "Água Doce - fluir com o rio", foi dinamizada pelo Sapador Florestal, Pedro Cepas,  encarregado de educação de uma das alunas, a convite da Coordenadora do Clube.

Os alunos ficaram a saber que a limpeza e desobstrução das ribeiras consiste na remoção de vários tipos de resíduos, bem como na remoção seletiva de vegetação existentes na linha de água, assegurando as condições de fluxo dos caudais líquidos e sólidos (areias, lamas, sedimentos) em situações hidrológicas normais ou extremas e minimizando o risco para pessoas e bens em situações de cheia.

logotipo_pq (4).png

CLUBE CIÊNCIA VIVA - Agrupamento de Escolas Dr. Bissaya Barreto - Castanheira de Pera - Ano letivo 2022/23

Projeto : Filhos Saudáveis Pais de Sucesso

21.11.22

No âmbito do Projeto "Filhos Saudáveis Pais de Sucesso" desenvolvido pelos Serviços de Psicologia e de Terapia da Fala desde o ano letivo anterior no Agrupamento de Escolas Dr. Bissaya Barreto - Castanheira de Pera, partilhamos este vídeo informativo sobre o desenvolvimento infantil.O que devo saber sobre o desenvolvimento do meu filho?".
Qualquer dúvida ou questão, pode contactar estes Serviços através da Escola.

16 NOV 2022 : José Saramago - 100 anos 100 palavras

16.11.22

SOBRE O CENTENÁRIO

Assinala-se a 16 de novembro de 2022 o centenário de José Saramago. Tal como em circunstâncias semelhantes acontece com outros grandes vultos, a efeméride constituirá uma oportunidade privilegiada para a consolidação da presença do escritor na história cultural e literária, em Portugal e no estrangeiro. E também para se prestar homenagem à sua figura como cidadão.

Aquela consolidação envolve a revisitação de uma atividade literária e cívica que marcou a cena portuguesa e internacional durante décadas, mas que vai além disso; inclui-se nela a afirmação de uma obra com uma vitalidade inquestionável, bem como a acentuação do pensamento social, político e ético de José Saramago. E também o que desse pensamento ressoa no nosso presente. A Carta dos Deveres e das Obrigações dos Seres Humanos sintetiza, pelo seu espírito e pelos seus efeitos, muito do legado saramaguiano.

A atribuição do Prémio Nobel da Literatura confirmou uma consagração internacional que fez de José Saramago uma personalidade com grande significado, para além das fronteiras de Portugal. Assim, Saramago define-se hoje como um “escritor do mundo”, com presença expressiva em manifestações artísticas, educativas, políticas e sociais com vasta disseminação e efeitos variados. Incluem-se nesses efeitos os que decorrem da presença da obra saramaguiana no nosso sistema de ensino e na difusão da língua e da cultura portuguesas no mundo.

Em articulação com outras entidades, a Fundação José Saramago está a preparar um amplo programa de evocação do centenário, distribuído por quatro eixos: o eixo da biografia, dando atenção ao trajeto biográfico, formativo e cívico do escritor, em relação com a sua produção literária; o eixo da leitura, entendendo-se o centenário do escritor como momento adequado para se revigorar a leitura da sua obra e também para conquistar novos leitores, desejavelmente jovens; terceiro, o eixo das publicações, tanto no plano das obras evocativas, de divulgação ou de extensão transliterária, como no das edições ilustradas, com iconografia do escritor e da sua obra; o eixo das reuniões académicas, uma vez que José Saramago é um escritor com forte presença na academia, em Portugal e no estrangeiro, motivando reuniões científicas em diferentes locais.

Pode antecipar-se desde já que o centenário de José Saramago desencadeará iniciativas de entidades muito diversas, em Portugal e noutras partes do mundo. Nesse contexto, a Fundação José Saramago (FJS) assumirá o papel central que lhe cabe, respeitando, evidentemente, a autonomia dos atores e das instituições que venham a dar contributos próprios ao centenário.

Carlos Reis, Comissário para o Centenário de José Saramago, fevereiro de 2021

Centenário - Fundação José Saramago (josesaramago.org)